Fotometria é medição da luz , na fotografia usamos a fotometria parar expor adequadamente uma imagem, não deixando que a mesma fique clara demais ou escura.

Este provavelmente é um assunto mais importe da fotografia, um dos fundamentos básicos para o sucesso de uma foto é o processo da medição da luz, a chamada fotometria. Toda máquina sendo SLR ou compacta tem um fotômetro embutido que calcula a exposição lendo a luz média refletida do assunto. Essa tonalidade é denominada como Cinza Médio ou Cinza 18%. A posição do ponto do auto-foco e a orientação da câmera (retrato ou paisagem) também podem contribuir para os cálculos. Toda cena que você enquadra, o fotômetro embutido faz os cálculos de exposição para deixá-la mais próxima do cinza médio ,que é uma tonalidade parecida com o que vemos.

A câmera dispõe de três modos para fazer a leitura da luz. São eles:

Multizone/Matrix/Avaliativo

Ele analisa a totalidade do enquadramento feito pelo fotografo, ele mede altas luzes, baixas e medias. Fazendo uma média considerando também cor e distancia, com referência na tonalidade do cinza médio. Indicado em: Para cenas de pouco contraste. Ele dá uma grande confiabilidade em situações onde não há grandes áreas claras e escuras. Use quando a luz for difusa e homogênea. Embora ele sirva para 60% das fotos, em uma cena de luz complicada e foto contra a luz, use outros métodos de leitura. Exemplos de fotos medidas com esse modo:

 

20100804_0629

 

Ponderado central (Center-Weighted)

A leitura é mais centralizada. A área da fotometragem é aproximadamente de 10% a 13,5% na parte central enquadramento. Esse modo parcial dá ao fotógrafo muito mais controle sobre a exposição que qualquer outro modo, mas isso também significa que ele seja um pouco mais difícil de ser utilizada pelo menos no início.

center weight

 

Olhando pelo viewfinder de uma câmera, a área em vermelho indicada onde será feita a leitura.

 Quando usar:

Às vezes, quando a situação de luz é um pouco complicada, ele é útil porque você de forma seletiva, aponta para uma área ou objeto relativamente pequeno dentro de sua cena, evitando áreas muito claras ou escuras. Uma das aplicações mais comuns da fotometragem parcial são retratos em que você fotografa contra a luz, fazendo a medição no rosto da pessoa. Com certo treino você será capaz de determinar num enquadramento as áreas de tonalidade média, de modo que facilite a fotometria.

Exemplo de fotos medidas com esse modo:

20100804_0742

SPOT

Esse modo lê uma pequena parte do enquadramento, sendo mais especifico na área indicada. Sua ênfase se distribui de 3% a 5% do enquadramento.

atuaçao SPOT

 

Indicado em: Nas fotografias de eventos, como um casamento por exemplo , o vestido branco da noiva ou até mesmo um terno preto podem enganar o fotômetro da câmera. A pequena área do spot deve ser mirada no rosto da pessoa e com o foco travado refaça o enquadramento e termine de clicar. O spot também serve para fotometrar o cartão cinza (ver mais adiante).

Cuidados: Esse modo é muito difícil de ser domado. Ele causa enormes variações no resultado da medição por causa da pequena área analisada.

sample spot

Bom espero que tenham gostado das dicas de hoje.  🙂

This Post Has 0 Comments

Leave A Reply

You must be logged in to post a comment.

Menu